Voltar para a 1ª página
Evento discute nutrição e envelhecimento

 

O Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu promoveu dia 24 de novembro de 2012 o 1º Simpósio de Nutrição no Envelhecimento com objetivo de debater os principais aspectos nutricionais e a importância do cuidado especial com a alimentação a partir dos 60 anos. 

O Brasil conta hoje, com 30 milhões de pessoas com 60 anos ou mais. Esta parcela, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) representa 8,7% da população e tem crescido vertiginosamente nas últimas duas décadas. De acordo com o instituto, em 2025 a estimativa é que existam 32 milhões de idosos no país.

Com o aumento da longevidade da população, o Ministério da Saúde tem alertado através de campanhas educativas e informativas sobre as doenças relacionadas ao envelhecimento. As mais comuns são derrame, infarto e hipertensão arterial. Há também a propensão facilitada ao aparecimento de tumores diversos nesta fase da vida Nesse sentido, o evento, voltado a estudantes e profissionais da área de nutrição e das ciências da saúde, pretende mostrar como uma correta alimentação pode minimizar as mudanças no organismo.

No Anfiteatro principal do Instituto de Biiociências, foi debatida a avaliação nutricional na terceira idade, durante palestra da professora Silvia Justina Papini, professora da Faculdade de Medicina da Unesp de Botucatu. Na sequência, a também nutricionista da Unesp, Ângela Barbin,  mostrou pontos sobre terapias especiais na terceira idade e sua relação com o envelhecimento.

Finalizando a primeira parte do simpósio, a professora da Faculdade de Ciências da Unesp de Bauru, Paula Fávaro Polastri Zago, apresentou os  efeitos da atividade física no envelhecimento e os principais tipos de exercícios benéficos às pessoas na terceira idade.

A tarde a psicologia do envelhecer foi o foco da palestra da professora da Faculdade de Ciências da Unesp de Bauru, Nilma da Silva. As técnicas de dietéticas para a terceira idade também integrou a programação na apresentação da professora Rita de Cássia Aquino, da Universidade São Judas Tadeu.

O encerramento do simpósio apresentou considerações sobre a nutrição nas doenças como demência, Parkinson e Alzheimer, pela nutricionista da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP- Universidade de São Paulo-, Sandra Maria Ribeiro. Mais informações sobre o evento  podem ser obtidas no site do simpósio.

Fonte: Globo.com

Dedo de Prosa Produções
Rua Riachuelo, 1452 - Sala 205
Bairro Padre Eustáquio
30720-060 - Belo Horizonte/MG



Telefone: (31) 3413-7507
dedodeprosa.tv@uol.com.br
@dedodeprosatv
facebook.com/programa.dedodeprosa