Voltar para a 1ª página
Atividades que melhoram a qualidade de vida na terceira idade

 

Chegar a terceira idade com qualidade de vida e saudável é a vontade de muitos brasileiros. E viver melhor engloba uma série de fatores, como boa alimentação, prática de exercícios físicos e bons relacionamentos. No entanto, pouco se fala sobre o poder da arte e suas formas de promover a ampliação da consciência física e mental, possibilitando que o indivíduo traga mais sentido à própria vida e o meio em que vive com esforços criativos.

Segundo o professor o músico e professor, Marcos Henrique Modolo a música resgata a identidade e valoriza a trajetória do idoso, além de ajudar na estimulação motora, ativação da memória e reorganização emocional. “O trabalho que desenvolvo vai muito além do tocar e cantar, tento levar para os idosos músicas que passam uma mensagem especial e repertórios de artistas brasileiros que fizeram parte da história deles, como Roberto Carlos e Angela Maria. Eles cantam juntos comigo em harmonia, pedem mais músicas e assim vou percebendo que estou no caminho certo e que meu trabalho está fazendo a diferença para essa fase da vida deles”, destaca Modolo.

Para a arteterapeuta, Renata Sudré, a arte é um canal para expressão de sentimentos e emoções. “É um recurso que amplia as possibilidades de expressão, indo além da linguagem verbal. A arte, na maioria das vezes, é um espelho daquilo que está presente em nós. Logo, incentiva o autoconhecimento, ajuda a desenvolver novas aptidões, bem como nos faz perceber medos, lembranças e desejos. Tudo isso pode ser expressado e entendido através de uma produção individual. Com vivências diferenciadas, feitas em cima de temas livres ou assuntos específicos, o idoso é convidado a se expressar. Dessa forma, ele pode colocar suas habilidades e criatividade em prática e experimentar materiais que demonstrem o seu interior”, conta Renata.

Além da arte, existem outras atividades que ajudam a melhorar a qualidade de vida dos idosos, confira abaixo.

- Dança, musculação e treinamento funcional – atividades físicas que estimulam a flexibilidade, a postura e o equilíbrio;

- Ioga – exercício que ajuda a diminuir a pressão arterial, contribui para uma melhor coordenação e postura e promove a calma;

- Grupo terapêutico – conversas que tratam questões sobre a velhice protagonista, os relacionamentos, as potencialidades e limitações, além de buscar a inclusão social.

Fonte: Folha Vitória

Dedo de Prosa Produções
Rua Riachuelo, 1452 - Sala 205
Bairro Padre Eustáquio
30720-060 - Belo Horizonte/MG



Telefone: (31) 3413-7507
dedodeprosa.tv@uol.com.br
Youtube Oficial
facebook.com/programa.dedodeprosa
facebook.com/encontronacionaldedodeprosa