Voltar para a 1ª página
Cartilha com orientações para tornar o ambiente domiciliar de idosos mais seguro

 

O processo de envelhecimento acarreta diversas mudanças naturais no organismo dos idosos. Seja de ordem física, cognitiva ou emocional, essas alterações resultam na diminuição da capacidade de interação da população idosa ao ambiente em que está inserida. Dessa maneira, com o passar dos anos, o recinto domiciliar, que antes era seguro e confortável, começa a apresentar alguns riscos e desconfortos para a pessoa mais velha. Sendo assim, o planejamento para uma residência segura, que estimule autonomia e independência do idoso é fundamental.

Tendo em vista essa realidade, uma cartilha que orienta idosos quanto a adaptações no ambiente domiciliar a fim de torná-lo mais acessível e funcional, foi desenvolvida no Departamento de Terapia Ocupacional (DTO) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e está disponível gratuitamente para todos os interessados. Intitulada 'Cartilha para acessibilidade ambiental: orientações ilustradas para o domicílio de pessoas idosas', o material visa evitar quedas, promover o conforto e, de maneira geral, proporcionar uma melhor qualidade de vida a essas pessoas.

De autoria de Luiza Oliva Paganelli, que durante sua graduação em Terapia Ocupacional na UFSCar desenvolveu a cartilha em conjunto com a professora Maria Luisa Emmel, docente do DTO, o material apresenta adequações e adaptações significativas no ambiente domiciliar de pessoas idosas e oferece possibilidades e alternativas viáveis para que o idoso possa planejar a modificação de seu ambiente e torná-lo acessível e seguro, facilitando seu dia a dia.

Luiza, que atualmente é mestranda do Programa de Pós Graduação em Terapia Ocupacional (PPGTO) na UFSCar, conta que a cartilha fornece instruções sobre a entrada da casa, circulação interna, sala, cozinha, quarto, banheiro, quintal, dentre outras, para evitar riscos à saúde e locomoção. 'Se seguidas e adotadas pela população idosa, as orientações poderão prevenir e reduzir o número de quedas, potencializar a capacidade funcional do idoso em sua residência e proporcionar conforto e qualidade de vida', afirma a Terapeuta Ocupacional.

A 'Cartilha para acessibilidade ambiental: orientações ilustradas para o domicílio de pessoas idosas', que recebeu apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), por meio do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI), pode ser acessada no site www.acessibilidadenacasadeidosos.blogspot.com.br.

Fonte: Jornal Dia a Dia

Dedo de Prosa Produções
Rua Riachuelo, 1452 - Sala 205
Bairro Padre Eustáquio
30720-060 - Belo Horizonte/MG



Telefone: (31) 3413-7507
dedodeprosa.tv@uol.com.br
@dedodeprosatv
facebook.com/programa.dedodeprosa